O Real Madrid empresta um grande número de jovens jogadores em todo o continente europeu. Por várias temporadas, os brancos têm administrado uma política de transferência ativa quando se trata de jovens jogadores emprestados do Real Madrid e optam por criar seus próprios talentos na Casa Branca, em vez de comprá-los em quantidades exorbitantes.

Martin Odegaard lidera uma Real Sociedad que se estabeleceu na final da Copa del Rey pela primeira vez em três décadas e quer continuar fazendo história. O norueguês acumula 7 gols e 8 assistências. O jogador de 21 anos de idade pertence ao time de merengue e de Chamartín seu retorno está sendo planejado para este verão.

Takefusa Kubo está se tornando cada vez mais decisivo nos planos de Vicente Moreno, onde ele decide alguns jogos com grandes gols e lances de muita classe que pouquíssimos jogadores têm. Com 2 gols e 3 assistências, ele é uma das revelações da La Liga com apenas 18 anos.

Achraf Hakimi está brilhando em Dortmund e poderia dar ao Madrid uma nova variação tática que o clube não tem hoje. Ele é capaz de correr a uma velocidade de 36,2 quilômetros por hora, o que o caracteriza como o jogador mais rápido já visto na Bundesliga.

Reguilón é outro jogador que se apresenta em um bom nível em Sevilla, com quatro assistências e um gol. Sua chegada ao Bernabéu pode ser muito provável se Marcelo acabar deixando o clube branco no final da temporada. (Veja também:https://realmadridbrasil.com/2020/03/16/lista-de-possiveis-dispensas-do-real-madrid/)

Esses quatro jogadores emprestados do Real Madrid são os que têm mais votos para retornar ao Santiago Bernabéu no final desta mesma temporada ou em um futuro não muito distante.