O Real Madrid já recebeu os resultados dos mais recentes testes de covid-19 e as notícias não podem ser melhores. Mariano Díaz, que está estável em sua casa desde a semana passada, continua sendo o único caso positivo. Dessa forma, a preocupação que existia para novos casos depois do caso positivo de Mariano desapareceu.

Tanto os jogadores da equipe quanto a comissão técnica de Zinedine Zidane deram resultados negativos nos testes realizados neste final de semana, de acordo com a jornalista da rede Cope, Arancha Rodríguez. Portanto, se os testes de terça-feira derem os mesmos resultados, eles poderão provar que a viagem a Manchester para o jogo em 7 de agosto às 16h (horário de Brasília) ocorrerá sem nenhum risco.

O governo britânico já comunicou que não haveria problemas para acessar o país, pois é considerado uma reunião de elite, mas isso mudaria se, após os testes mais recentes, um novo positivo fosse detectado. Todos retornaram negativos (exceto Mariano), para que tudo continue como planejado (às custas dos últimos testes que serão feitos amanhã).

Mais uma vez, vale destacar o sucesso do Real Madrid que, ao contrário de outros clubes, realizou os testes em cada jogador em casa. Um procedimento bastante mais complexo, mas que poderia ter sido fundamental para evitar um contágio massivo entre os jogadores se eles tivessem ido a Valdebebas fazer os testes.

E isso, é claro, tornaria impossível a disputa das oitavas-de-final da Liga dos Campeões na sexta-feira. Depois de confirmar os negativos para Covid-19, os jogadores do Real Madrid foram a Valdebebas nesta manhã para se preparar para as últimas sessões antes da partida.