James Rodríguez está a um passo de fechar sua contratação pelo Everton, após ter decidido baixar seu salário, conforme informado no Defesa Central dias atrás. A Adidas, marca que patrocina o futebolista colombiano e o Real Madrid, também aponta a transferência como a melhor opção para todas as partes envolvidas.

O jogador de Cúcuta irá para a Premier League, para cumprir o seu objetivo prioritário de trabalhar com Carlo Ancelotti, e deixará cerca de 25 milhões de euros para o Real Madrid. Uma decisão que a Adidas também apoia, patrocinadora do próprio James.

Na marca alemã eles sabem que a situação de James com Zinedine Zidane está totalmente paralisada. Não tem minutos e tem cada vez menos notoriedade no elenco. As campanhas publicitárias com colombiano caíram e isso afeta seu cachê.

O futebolista colombiano, além do cachê, também está perdendo, logicamente, muito dinheiro com a Adidas. Ele não é um jogador regular em campo, na verdade é um descartável, e isso o afeta na receita que obtém fora de campo.

Na verdade, James Rodríguez já tem um papel mínimo na loja do Real Madrid, apesar de ser da Adidas, como patrocinador do clube e isso deixa claro que James está ‘perdendo dinheiro’ a nível comercial estando com Zidane. Portanto, entre outros motivos, ele precisa ir a outro clube, jogar e reativar seu cachê com base em minutos, gols e assistências.

Será no Everton, com probabilidade quase total, já que Ancelotti aperta, James quer e o Real Madrid aceita todas as condições para que a saída aconteça neste verão.