Mariano Díaz é um dos jogadores que deixará o clube antes de iniciar a nova temporada. O atacante mal jogou 90 minutos ao longo da temporada em que só conseguiu marcar um gol no clássico contra o Barcelona.

O Real Madrid precisa libertar alguns de seus jogadores menos proeminentes. O clube de Florentino tem um excesso de merengues que ele precisa distribuir entre outras equipes. Além disso, na Concha Espina eles não têm dinheiro para assinar novos rostos e fazer frente a todas as folhas de pagamento.

O Real Madrid já iniciou negociações com o Benfica sobre o futuro do jogador de ascendência dominicana. Os merengues pretendiam ganhar alguma coisa com a venda do jogador, mas o clube lisboeta apenas aceita pagar a seu salário.

O Benfica terá o jogador emprestado para o próximo ano e terá a opção de compra no final da temporada. Os portugueses não podem pagar muito e é aí que surge o problema. Mariano Díaz pediu ao seu próximo clube uma renda líquida de cinco milhões por temporada, conforme relatado pelo O Jogo.

O atacante fatura atualmente cerca de 4,5 milhões por ano no Real Madrid. Mas seu pedido complica a tarefa. O Benfica teria de pagar uma despesa total de 10 milhões, preço que não antecipou e não pode pagar.

O agente de Cavani também pediu 10 milhões pela venda de seu jogador, o que fez com que a negociação fracassasse. Os cofres de Lisboa não podem suportar uma despesa tão elevada. Para já, o Benfica tem de avaliar a oferta do merengue para chegar a um acordo ou, pelo contrário, poderá acontecer o mesmo que com o jogador uruguaio.